Signal ou Telegram: diferenças e comparações

Telegram ou Signal. Signal ou Telegram. Essa é a questão de muitos usuários que procuram se distanciar do WhatsApp. Qual é a melhor alternativa ao aplicativo de mensagens por excelência? Nesta comparação, você descobrirá o que pode aguardar de cada um, quais são as semelhanças e quais são as diferenças.

Signal e Telegram: quais são as semelhanças

Embora você pense que está na frente de dois aplicativos praticamente iguais, Telegram tem várias opções adicionais que o distanciam da filosofia do Signal. Este último, é focado mais no mensageiro mais tradicional e é mais semelhante ao WhatsApp como conceito. Porém, sim existem semelhanças.

Interface principal e conversas

Na tela principal de ambos aplicativos, você verá uma lista de chats ativos. Na página principal, também terá acesso aos chats arquivados. Ambos aplicativos respeitam as linhas de desenho marcadas pelo Google e localizam algumas de suas ações no canto inferior direito da tela. Aqui também será possível iniciar o buscador.

Tela inicial de ambos aplicativosTela inicial de ambos aplicativos

Da mesma forma, a tela do chat segue padrões semelhantes. No canto superior, estão localizados os botões para fazer as chamadas e videochamadas. No caso do Telegram, é necessário abrir o menu para acessar essas funções. No canto inferior, o usuário encontrará a área da escrita e os botões para anexar outro tipo de conteúdo. Em ambos apps são aceitos imagens, vídeos, documentos, contatos, localização e as notas de voz.

Tela de chats com opções semelhantesTela de chats com opções semelhantes

Painel de configurações

Os respectivos painéis de configurações do Signal e Telegram oferecem opções muito semelhantes. Depois de acessá-los, você poderá controlar as notificações, personalizar o comportamento dos chats, vincular novos dispositivos ou modular as diferentes funções de privacidade. Também encontrará um acesso direto ao serviço de suporte de cada aplicativo.

Configurações do Signal e TelegramConfigurações do Signal e Telegram

Outras funções em comum

Além disso, existem algumas funções compartilhadas entre ambos aplicativos. Por exemplo, poderá armazenar notas, arquivos e outros conteúdos fazendo o envio automático. Os dois aplicativos possuem uma conversa privada na qual apenas você participa. Da mesma forma, Signal e Telegram são semelhantes na hora de criar grupos, embora o limite de participantes do segundo é de 200.000, bem distante dos 1000 que permite o primeiro.

Conversa privada consigo mesmoConversa privada consigo mesmo

Signal e Telegram: como eles diferem

As diferenças entre o Signal e Telegram são notáveis. De fato, tem pelo menos dois pontos em destaque que você precisa conhecer.

Segurança e privacidade

O Signal é um app absolutamente comprometido com a segurança e a privacidade. O Telegram, no entanto, não é tão seguro como alguns acreditam. A principal diferença entre ambos é o tipo de criptografia. O Signal, por padrão, usa uma criptografia de ponta a ponta. Isso quer dizer que a informação que enviamos é criptografada na hora de sair do nosso dispositivo e é descriptografada quando chega o destinatário. Com esta criptografia não é possível conhecer o conteúdo de uma mensagem em um ponto intermédio do processo de transmissão. O Telegram, em troca, usa uma criptografia no servidor. Portanto, você poderá conhecer a chave da descriptografia e acessar as mensagens, se achar necessário. Este inconveniente é solucionado usando chats segredos. Porém, seria interessante que a criptografia de ponta a ponta estivesse ativada como padrão.

Se falamos de privacidade, o Signal usa apenas um dado pessoal para funcionar: seu número de telefone. Essa informação não é relacionada com você, portanto, podemos dizer que é anônima. Sua rival vincula seus dados de contato, agenda e outros identificadores ao seu perfil. Claramente, ambos aplicativos estão muito longe do WhatsApp, que coleta uma enorme quantidade de informação. Porém, o Signal ainda é um ambiente mais privado do que o Telegram.

Funções adicionadas

O Telegram tem mais funções adicionais do que o Signal. Como exemplo, podemos nos concentrar nos canais e bots. Os primeiros estão se tornando uma forma muito prática de ficarmos informados. Esse híbrido entre listas de difusão e grupos foi usado, inclusive por autoridades governamentais para divulgar informações de interesse da população. E, se falamos sobre bots, queremos dizer conversas inteligentes que nos oferecem respostas práticas, traduções, definições de palavras e muito mais.

Um bot e um canal de descontos no TelegramUm bot e um canal de descontos no Telegram

E finalmente, graças à sua API, o Telegram conseguiu que vários desenvolvedores criem clientes alternativos muito solventes. Por exemplo, no Windows está disponível Unigram, um excelente aplicativo universal com um suporte completo à plataforma. No caso do Signal, você deverá se conformar, pelo menos por enquanto com os clientes oficiais.

Unigram, um cliente alternativo do Telegram no WindowsUnigram, um cliente alternativo do Telegram no Windows

Resumindo, Signal e Telegram têm mais diferenças, ou pelo menos diferenças mais importantes, que semelhanças. Então, qual será seu próximo mensageiro?

Signal ou Telegram: com qual deles fico

Como ficou claro nesta comparação, o Signal é um aplicativo de mensagens tradicional, focado na privacidade. Deixa de lado várias funções que, em muitos casos, são supérfluas, tendo como foco apenas em estabelecer comunicações entre pessoas. Na realidade, o Signal é muito mais parecido com o WhatsApp do que com o Telegram. Este último, é ideal para ficarmos informados, interagir com bots e criar grandes comunidades. É uma ferramenta de comunicação muito versátil e, cada vez mais, se apresenta como um complemento ao Signal ou o WhatsApp, ao invés de uma alternativa.